Blog

Transporte público de Curitiba não pode deixar de ser referência 



O transporte coletivo da nossa capital é conhecido no mundo todo. Os ônibus biarticulados, com suas estações tubos, serviram como base para o sistema Transmilênio, de Bogotá, capital da Colômbia, e o sistema Transantiago da capital do Chile, Santiago. 

Como um sistema que urbanistas do mundo inteiro estudaram e apreciam como um modelo eficiente se tornou tão fora da realidade atual?

Curitiba nunca precisou de metrô pois, a eficiência de toda a cadeia de transporte, conseguia levar com segurança, conforto e pontualidade,  quase 2 milhões de habitantes apenas com ônibus. Isso que nem estamos falando dos passageiros da Região Metropolitana. 

Sabemos que, mesmo com todos os esforços, muita coisa pode melhorar. Já estamos vendo novos veículos circulando, assim como é visível uma presença fiscal e policial mais intensa para coibir atos de violência contra motoristas, cobradores e passageiros. 

Algumas linhas importantes, como INTER II, por exemplo, demandam uma atenção maior para o conforto do trabalhador que tanto necessita do nosso sistema. A população cresce e os desafios também. 

Como vereador, serei um verdadeiro fiscal do dinheiro público com esta questão importantíssima para a mobilidade urbana. Precisamos manter o nosso modelo eficiente, que é exatamente a imagem que o mundo e, principalmente, os Curitibanos, possuem do nosso sistema de transporte.